Grata surpresa no Beira Rio

Jogos entre Corinthians e Internacional têm uma longa história desde 2005. Quando acontecem em um duelo de mata-mata, como Copa do Brasil, ganham ainda mais peso.

Ontem tivemos a primeira parte deste duelo em um jogo que agradou, ao contrário do que era esperado. Pelo que esta

mos acompanhando neste começo de ano , era esperado um jogo truncado. No papel, o atual elenco do Internacional pode não ser para ganhar um título de Libertadores ou mesmo uma vaga nesta competição, mas é um time que disputaria a série A tranquilamente.

Do outro lado um Corinthians com uma defesa sólida, mas com problemas no ataque e assumindo uma postura de jogar em cima do erro do adversário (algo que está dando resultado nos clássicos paulistas) e ainda com ausências importantes de Jadson e Jõ (sim, o atacante hoje é um desfalque importante no time alvinegro).

Mas ao contrário do esperado, o que vimos foi um duelo aberto e franco, com os dois times buscando a vitória, jogando de igual para igual. O resultado foi uma partida agradável de assistir e que poderia terminado com vitória para qualquer um dos dois times, mas com destaque principalmente para a atuação de Marcelo Lomba, principal responsável por manter o time gaúcho vivo na competição.

O time paulista conseguiu achar espaços ofensivos e criou reais chances de perigo ao longo do jogo. A primeira etapa passou num piscar de olhos, por conta de dois times procurando jogar e deixando jogar. O empate em 0 x 0 foi logo alterado no segundo tempo, com a abertura do placar em mais uma assistência no ano do jovem Guilherme Arana (que dificilmente deve terminar o ano no Corinthians por conta do assédio europeu) e gol de Romero. Falha defensiva de um lado, falha defensiva do outro, com Rodrigo Dourado aparecendo como elemento surpresa e empatando o jogo logo em seguida.

O jogo continuou no mesmo ritmo, podendo ser decidido para qualquer um dos lados, mas acabou com empate justo e que agradou aos dois lados e inclusive ao público presente, que aplaudiu ao final do jogo. Empate este que deixa uma pequena vantagem para o Corinthians, que pode empatar por 0 x 0 ou classificar-se com qualquer vitória, mas que deixa o Internacional vivo na competição, podendo avançar com qualquer empate com mais de 2 gols ou com vitória simples.

Seria pedir demais a mesma qualidade no jogo de volta? Estamos torcendo para isso.

Deixe uma resposta

Copyright © All Rights Reserved · Green Hope Theme by Sivan & schiy · Proudly powered by WordPress

%d blogueiros gostam disto: