Chapecoense e as histórias mal contadas nos bastidores

A Chapecoense deu adeus a Libertadores fora de campo por conta de algo que poderia ter sido evitado e que infelizmente levanta suspeitas. A Conmebol é para dizer no mínimo atrapalhada e retrógrada. Como explicar problemas de comunicação em uma era como a nossa? Não ter um site com a lista de jogadores que estão sem condição de jogo é absurdo. E-mail que não chegou ao destinatário então é algo digno de atuação de estagiário em começo de carreira.

Mais uma vez os clubes brasileiros sofrem com a postura da entidade e mais uma vez nada será feito em termos de mudanças. Vamos esperar a próxima “birra” de algum dirigente que for prejudicado. O mesmo que hoje poderia ser solidário ao Palmeiras ou pelo menos ter opinião sobre o que aconteceu com o time de Chapecó.

Dito isso, é importante citar que a Chapecoense não deveria nem precisaria se arriscar a ser punida. Existia a menor dúvida sobre a escalação do seu zagueiro? Conhecendo o histórico, o time deveria ter tirado o jogador imediatamente e ponto. Nem que fosse Messi essa briga deveria ser comprada. O time ainda fez sua parte em campo, mas fica um ponto de interrogação em cima disso, da mesma forma que não se fala mais de investigação sobre o acidente do ano passado.

Histórias que ao meu ver deveriam ser acompanhadas até seu desfecho, mas que infelizmente caem no esquecimento.

Deixe uma resposta

Copyright © All Rights Reserved · Green Hope Theme by Sivan & schiy · Proudly powered by WordPress

%d blogueiros gostam disto: