Palmeiras de Cuca sofre mas continua vivo na Copa do Brasil

Ainda sem Guto Ferreira, mas com uma postura totalmente diferente, vimos um Internacional pressionando o Palmeiras desde o início do jogo e o placar por 1 x 0 no primeiro tempo foi pouco em vista do que o time gaúcho criou, graças também a péssima atuação do zagueiro Edu Dracena.

Sem perder o ímpeto ofensivo, o Colorado continuou no ataque na segunda etapa , oferecendo perigos reais ao Palmeiras, mesmo sem Dracena (sacado por Cuca) e em falha da defesa alviverde conseguiu o segundo gol. O resultado classificava o time direto (sem sofrer com as penalidades), mas a partida estava longe de ser decidida e houve a mudança de postura dos dois lados.

O Internacional achou que o jogo estava decidido e parou de atacar e resolver o jogo marcando pelo menos mais um gol aproveitando o fato que estava muito melhor em campo. Do outro lado Cuca foi obrigado a lançar o time para o ataque e apostou em Mina no ataque, com Felipe Melo na zaga e Thiago Santos no meio.

Chuveirinhos, sem jogadas trabalhadas. Tudo levava a crer que o Inter continuaria na competição, mas em lance fortuito, o gol alviverde saiu. O gol qualificado resolveu o jogo. O Palmeiras se trancou na defesa, ao passo que o Internacional não encontrava forças para marcar o terceiro gol.

Inversão dos chuveirinhos, no desespero que uma jogada resultasse no gol da classificação que acabou não vindo. O time gaúcho saiu de campo aplaudido pela partida realizada e deixou boa impressão para a disputa da série B, onde o elenco parece ser bem qualificado e se conseguir manter a postura, conseguirá o acesso sem sustos.

Do outro lado, mais uma derrota e barulhos de corneta para o início de Cuca no time. É verdade que tivemos duas penalidades pelo menos discutíveis a favor do Palmeiras, que teriam mudado o jogo, mas o elenco ainda não deu liga até o momento. Borja não conseguiu se firmar no time titular e o técnico já acredita que o time precisa de reforços, apontando que o elenco atual é inferior ao do ano passado.

E para ajudar , um jogo complicado no próximo fim de semana, frente o Atlético-MG em casa. Um resultado que não seja a vitória deve aumentar o barulho e o técnico que chegou comm tanta moral pode começar a ser seriamente questionado.

Deixe uma resposta

Copyright © All Rights Reserved · Green Hope Theme by Sivan & schiy · Proudly powered by WordPress

%d blogueiros gostam disto: