Estaduais respiram por aparelhos

Pensei em fazer um post falando colocando minha seleção com os melhores do campeonato Paulista. Desisti ao lembrar de como a cada ano a competição perde seu atrativo. Jogos com qualidade apenas razoável, com destaque negativo para os jogos da fase decisiva. Das quartas em diante tivemos jogos pegados, tensos, mas com exceção dos jogos do Palmeiras contra Novorizontino e Santos, os demais foram tecnicamente fracos.

Sou saudosista e lembro do atrativo da competição de tempos atrás. Com times pequenos que complicavam a vida dos grandes. Com revelações que apareciam no campeonato e estouravam em times grandes e até no exterior. Hoje convido vocês a citar um nome de jogador que não seja dos quatro grandes. Bruno Moraes, con passagem nada marcante pelo Santos, foi considerado o craque do interior. Qual clube grande cogita a contratação dele? Anos atrás, um destaque do interior seria disputado à tapa.

Os estaduais possuem seu charme, mas precisam de mudanças. As fórmulas atuais da maioria são confusas e a baixa presença de público evidencia a falta de atrativos dessa competição. Ainda é possível salvar essas competições. O problema é que a cura esta nas mãos de dirigentes que só pensam no seu enriquecimento e estão nem aí para a melhora do futebol.

Deixe uma resposta

Copyright © All Rights Reserved · Green Hope Theme by Sivan & schiy · Proudly powered by WordPress

%d blogueiros gostam disto: