Gangorra do Brasileirão. Palmeiras é o ponto fora da curva, mas título ainda está em aberto

O segundo turno do campeonato Brasileiro está quebrando diversos prognósticos na ponta da tabela. Achei que o São Paulo seria campeão, depois achei que o Flamengo estava fora da disputa do título.

O que surpreende é a campanha do Palmeiras em duas frentes. Felipão está com uma sequencia de resultados que fizeram o time não só assumir a liderança, como já abrir vantagem frente adversários importantes, mesmo mesclando jogadores para se manter vivo no Brasileiro e na Libertadores. Méritos para o treinador, que consegue manter o elenco focado e recuperou jogadores em baixa, Dudu e Lucas Limas nem de perto lembram as atuações que tinham com Roger. Gustavo López vem sendo uma grata surpresa na zaga e Deyverson vem aparecendo como herói improvável, com gols importantes. Campanha digna de elogios, com vitórias em confrontos diretos. Vencer o Grêmio neste fim de semana deixa o time de Renato Gaúcho apenas focado na Libertadores, com um adversário a menos na luta pelo título.

A campanha alviverde só não é melhor por conta do que os adversários estão fazendo. O Internacional faz a melhor campanha de um time que subiu da série B e faz algum tempo se firmou na luta pelo título. A virada frente o São Paulo em casa é digna de elogios. Em que pese a má fase do time paulista (falo mais a respeito abaixo), vimos o time gaúcho com postura de quem realmente quer o título, ganhando de um adversário direto, mantendo a diferença de três pontos para o líder.

Provando que em alguns momentos a mudança de comando técnico é válida, o Flamengo mostrou que colocar Dorival foi uma decisão acertada. Arrisco dizer que o rubro negro estaria na final da Copa do Brasil se a troca tivesse sido antecipada. Mesmo com desfalques, o time carioca voltou a subir na tabela, graças a atuações convincentes de Paquetá e Vitinho nos últimos jogos. A confiança voltou ao elenco e o técnico está encontrando soluções. O 3 x 0 frente o Fluminense foi convincente e tendo o confronto direto com o Palmeiras pode embolar de vez a disputa do título de 2018.

A decepção fica por conta do São Paulo. O time sofre com queda técnica dos principais jogadores do elenco (Nenê e Diego Souza), sofre com lesões de jogadores importantes e o elenco não conta com peças de reposição que permitem manter o time competitivo. Mais de um mês sem vencer no campeonato fez o time despencar na tabela. Perder para adversários diretos (Palmeiras e Internacional) fez o time cair para a quarta posição da tabela, com 7 pontos de diferença para o líder.

Para não ficar em cima do muro, acredito que pela campanha, elenco e resultados recentes, a luta fica entre os três primeiros, sendo que o Palmeiras terá na semana que vem uma sequencia que poderá complicar o time nas duas frentes (semifinal da Libertadores e o jogo contra o Flamengo). O time pode manter a ótima fase e frear a recuperação carioca ou ter o Flamengo mais que vivo na competição e precisar motivar o elenco em apenas uma competição.

Deixe uma resposta

Copyright © All Rights Reserved · Green Hope Theme by Sivan & schiy · Proudly powered by WordPress

%d blogueiros gostam disto: